FUTEBOL BRASILEIRO: Nilton Santos morre aos 88 anos em decorrência de uma insuficiência respiratória

NILTON SANTOS NOS ÚLTIMOS DIAS DE VIDA, SEMPRE COM A CAMISA DO GLORIOSO
RIO DE JANEIRO - Na tarde desta quarta-feira (27/11) o Botafogo perdeu um de seus maiores ídolos de história. O ex-lateral-esquerdo Nilton Santos, considerado o melhor da história na posição, faleceu aos 88 anos, na Clínica Bela Lopes, na Zona Sul do Rio de Janeiro, às 15h50. A "Enciclopédia do Futebol" como era chamado foi internada no último sábado, devido a uma insuficiência respiratória.
Na última terça, ele apresentou uma melhora no quadro de pneumonia que tinha sido diagnosticado na segunda-feira. Nilton vivia há seis anos na Clínica da Gávea. Ele sofria do Mal de Alzheimer há cinco anos.
Nilton Santos defendeu o Botafogo por 16 anos, conquistando o Torneio Rio-São Paulo em 1962 e 1964, além do Campeonato Carioca em 1948, 1957, 1961 e 1962. Os ex-jogador também fez história pela Seleção Brasileira - bicampeão mundial em 1958 e 1962, além de participar das Copas do Mundo de 1950 e 1954.
NILTON SANTOS PELO BOTAFOGO, NO MARACANÃ



Comentários