AUTOMOBILISMO: McLaren é reprovada em teste de impacto e pode perder treinos.

Em 2013 foi um dos piores momentos da Equipe
A McLaren viveu em 2013 uma de suas piores temporadas na Fórmula 1, mas o fim do ano não significou o cessar dos problemas para a escuderia.

De acordo a revista britânica Autosport, o carro do time para o Mundial de 2014, MP4-29, não foi aprovado em todos os testes de impacto da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o que pode tirar a equipe dos primeiros treinos de pré-temporada, em Jerez de la Frontera.
O lançamento do MP4-29 está marcado para 24 de janeiro, quatro dias antes do início das atividades no circuito espanhol. 
Após Jerez, as equipes da Fórmula 1 vão ao Bahrein, onde realizarão as duas últimas sequências de testes antes do início do Mundial de 2014, marcado por grandes mudanças no regulamento técnico da categoria.
"É normal que nesta época do ano os times tentem de tudo para conseguir o melhor desempenho e testes de impacto não são diferentes. 
A McLaren passará por todos os testes antes de ir à pista", afirmou um porta-voz do time britânico à revista Autosport.
Em 2013, a McLaren amargou uma temporada sem pódios de seus pilotos, Jenson Button e Sérgio Pérez, e encerrou o Mundial de Construtores apenas na quinta colocação, atrás de Red Bull, Mercedes, Ferrari e Lotus. 
O time somo 122 pontos no ano, 45 a mais do que a Force India, sexta colocada, e 193 a menos do que a Lotus, terceira.
Em 2014, o time já sofreu uma mudança em sua estrutura com a volta de Ron Dennis ao cargo de diretor-executivo da marca. 
O posto era ocupado por Martin Whitmarsh, também chefe de equipe e diretor de operações, desde 2012. Os pilotos da equipe no Mundial de F-1 serão Button e o dinamarquês Kevin Magnussen

Comentários