MARANHENSE 2015: Vitória bate o Moto e fica com o terceiro lugar da Super Copa Marannhão.

BRUNO CHOCOLATE DESPERDIÇOU UMA ÓTIMA CHANCE
SÃO LUÍS - Em duelo que valia o terceiro lugar da Super Copa Maranhão, o Vitória-BA derrotou o Moto Club por 1 a 0, na tarde deste domingo (25/1), no estádio Castelão. O gol do triunfo do time baiano saiu nos primeiros minutos da etapa inicial com atacante Vander.

Com o revés, o rubro-negro maranhense terminou sua participação no torneio interestadual com dois tropeços em dois jogos, para o Sampaio por 2 a 1 e para o Vitória-BA por 1 a 0 respetivamente.  

Agora, o Moto terá uma semana para corrigir os erros antes de sua estreia no estadual desse ano, contra o Cordino no dia 1º de fevereiro, às 17h, no Castelão. Quatro dias depois, é a vez de estrear a Copa Nordeste diante do Piauí, no Albertão em Teresina. 
A equipe baiana estreará no campeonato baiano também no próximo dia 1º, diante do Bahia de Feira de Santana. Em seguida o timbu visita o Confiança-SE, no Batistão, em Aracaju, no dia 3 de fevereiro, pela Copa Nordeste.

O Jogo

A partida começou a todo vapor. Logo no primeiro minuto de bola rolando, o Vitória abriu o placar. O atacante Vander foi acionado na esquerda levou a bola até a entrada da área tabelou e acertou um lindo chute, sem chance para o arqueiro motense.

Com a vantagem no placar, o rubro-negro baiano tirou o pé do acelerador. Já o Moto tentava esboçar uma reação. A melhor oportunidade do Papão apareceu aos 30 minutos, quando Bruno Chocolate recebeu dentro da área e chutou em cima do goleiro baiano.

Veio a segunda etapa e a partida seguia sem muita emoção. O Moto Club tentava o gol com os chutes de longa distância do meia Kléo, sem muito sucesso. O Vitória assustava nos contra ataques. Aos 30 minutos, os baianos quase ampliaram o marcador. O atacante Vander recebeu o passe na pequena área, chutou, mas parou na defesa motense.

Aos 33 minutos, o time baiano perdeu o volante José Welisson por ter levado o segunda cartão amarelo. Mesmo com superioridade numérica, os maranhense não ameaçava o time da boa terra. E a partida acabou mesmo com o triunfo do Vitória-BA.

Comentários