COPA AMÉRICA 2015: Chile vence o Uruguai, e volta à semifinal da Copa América após 16 anos.

EQUIPE COMEMORA O GOL DE ISLA
SANTIAGO (CHILE) - O Chile fez valer o favoritismo de anfitrião e voltou à semifinal da Copa América após 16 anos de jejum. Na noite desta quarta-feira (24/6), a equipe chilena dominou a nervosa  seleção do Uruguai e venceu por 1 a 0, com gol do lateral direito Isla. A Celeste teve dois jogadores expulsos na segunda etapa: Cavani e Fucile, e não conseguiu reagir diante da inferioridade numérica. 

Com a vitória magra, mas importante, a equipe comandada pelo técnico Jorge Sampaoli continua viva rumo à conquista do título inédito da Copa América.

O Chile não chegava a semifinal da competição desde 1999, quando enfrentou o próprio Uruguaio e foi derrotado.
A Roja chegou às quartas de final após se classificar na liderança do Grupo A com sete pontos, terminando a primeira fase do torneio com a melhor campanha. Na fase de Grupos, a equipe venceu o Equador por 2 a 0, empatou com o México por 3 a 3 e goleou a Bolívia por 5 a 0.

A Celeste, por sua vez, começou com vitória por 1 a 0 sobre a Jamaica, depois sofreu derrota também pelo placar mínimo para a Argentina e classificou-se como 3º colocado do Grupo B após empate por 1 a 1 com o Paraguai.

Enquanto o Uruguai se despede da competição, o Chile volta a campo nesta segunda-feira (29/6), quando enfrenta o vencedor de Bolívia e Peru, que jogam nesta quinta-feira (25/6) pela semifinal, também no Estádio Nacional.

Comentários