FUTEBOL BRASILEIRO: Marcelo Oliveira não resiste ao momento ruim do Cruzeiro e é demitido.

MARCELO OLIVEIRA  CHEGOU A RAPOSA EM 2012/FOTO CRUZEIRO
BELO HORIZONTE - Marcelo Oliveira não é mais técnico do Cruzeiro. Nesta terça-feira (2/6), dia em que o treinador completaria dois anos e cinco meses à frente do time, a cúpula cruzeirense decidiu demitir o treinador, que não resistiu ao início ruim no Brasileirão Série A e principalmente a vexatória eliminação na Taça Libertadores, diante do River Plate, quando foi derrotado por 3 a 0 em pleno Mineirão.

Marcelo assumiu o Cruzeiro em dezembro de 2012, após uma passagem rápida pelo Vasco. Antes, ele havia se destacado pelo Coritiba-PR. O técnico chegou à Toca da Raposa com a desconfiança dos torcedores, devido a ligação dele com Atlético-MG, onde foi jogador e técnico.

O treinador acabou com as desconfianças ao conquistar o Campeonato Brasileiro de 2013 de forma antecipada. Marcelo comemorou também o título Mineiro em 2014 em cima do maior rival, o Atlético-MG e ainda repetiu o feito do ano anterior, ao conquistar a Série A antecipadamente. 

Na reta final da temporada passada, a maior frustração. O Cruzeiro perdeu a Copa do Brasil para o rival alvinegro, dando adeus as chances de repetir a Tríplice Coroa, conquistada em 2003. 

Confira os números de Marcelo Oliveira à frente do Cruzeiro: 
169 jogos
105 vitórias
32 empates
32 derrotas
Gols marcados 316 
Gols sofridos 147

Comentários