FUTEBOL INTERNACIONAL: Assistente de Amarilla em jogo entre Timão x Boca é afastado da Copa América.

AQUINO AO LADO DE AMARILLIA
CHILE - Depois de surgirem escutas telefônicas com indícios de uma possível armação envolvendo a escolha de Carlos Amarilla para apitar a partida entre Corinthians e Boca Juniors, pela Libertadores de 2013, juiz que teve atuação muito contestada, o assistente Rodney Aquino, que trabalhou no jogo, foi afastado da Copa América nesta quarta-feira (24/6) pela Conmebol.
Segundo informações divulgadas pelo "jornal Clarín" da Argentina, a Conmebol afastou Amarilla e os bandeiras Aquino e Carlos Caceres, na última segunda-feira, e os eliminaram de todas competições até que o caso seja esclarecido. Com a punição, Rodney Aquino que fazia parte do quadro de árbitros da Copa América e inclusive trabalhou no jogo entre Brasil e Venezuela, no último domingo, está suspenso de apitar as partidas no Chile.
Entenda
Há cerca de dois dias, a "TV America", da Argentina, divulgou um áudio de uma conversa entre o já falecido, Julio Grondona, ex-presidente da Associação de Futebol da Argentina (AFA), e Abnel Gnecco, superintendente da Comissão de Arbitragem, acontecido dois dias após a classificação do Boca às quartas de final da Libertadores de 2013, no qual ambos comentavam sobre a postura de Carlos Amarilla no jogo. Após anular um gol legal do Corinthians e deixar de marcar um pênalti, Amarilla foi caracterizado por Grondona como “o melhor reforço do Boca nos últimos anos”.

Comentários