BRASILEIRO DA SÉRIE B 2015: No minuto final, Sampaio marca e empata com o Botafogo no Castelão.

O SAMPAIO EMPATOU NO ÚLTIMO LANCE DA PARTIDA
SÃO LUÍS - O Botafogo vencia o Sampaio Corrêa por 2 a 1, no Castelão, na noite desta sexta-feira (2/10), até os 49 minutos do segundo tempo, vitória que faria os cariocas disparar na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Porém, após uma blitz do Sampaio dentro área botafoguense, a bola sobrou para o zagueiro Edimar, que decretou o empate por 2 a 2 em São Luís. Sampaio e Botafogo se enfrentaram pela 29ª rodada da competição. Neilton e Navarro para os cariocas e Jheimy para o maranhenses marcaram os outros gols do jogo.

Com o empate, o Sampaio tem agora 46 pontos na sexta posição, porém a equipe de Léo Condé, poderá ser ultrapassado após o termino da rodada, que acontece neste sábado. O Botafogo lidera a competição com 56 pontos, sete a mais do que o vice-líder Vitória (BA), mas pode ver a diferença diminuir, já que a equipe baiana joga neste sábado.

O próximo compromisso do Sampaio Corrêa já acontece nesta terça-feira (6/10), quando a equipe visita o Luverdense, no Passos das Emas, às 21h30. O Botafogo por sua vez, só volta a campo pela Série B no sábado (17/10), às 16h, no Engenhão contra o Bragantino.

O JOGO
Diante de um bom público no Castelão, o Sampaio Corrêa foi melhor nos 90 minutos. Os maranhenses apostavam na velocidade dos atacantes Edgar e Jheimy, pelos lados do campo. Porém não era efetivo.

Aos 12 minutos, uma baixa na equipe do Botafogo. Fernandes com dores na perna esquerda saiu para a entrada de Camacho.

O primeiro lance mais agudo da partida foi aos 15 minutos com a equipe maranhense. Diones achou o atacante Jheimy na direita, que rolou para traz para chegada de Douglas, que chutou em cima da defesa. 

O Botafogo se via pressionado pela equipe maranhense. Até que aos 19 minutos, em sua primeira finalização conseguiu abrir o placar. Daniel Carvalho deu ótimo passe para Navarro, que abriu na direita para Diego. O camisa 4 botafoguense cruzou, Neilton foi mais rápido que o goleiro Rodrigo e cabeceou para o fundo da rede. 1 a 0 Botafogo.

Após o Botafogo sair em vatangem, o Sampaio diminuiu o ritmo mostrando claramente ter sentido o gol. Aos 24 minutos, a equipe do técnico Léo Condé levou perigo a meta do goleiro Jefferson. Em cobrança de falta da esquerda, Raí cruzou na área a defesa afastou, na sobra o próprio Raí finalizou para linha de fundo. 

Quatro minutos depois foi a vez do zagueiro Edimar quase abrir o placar para o Sampaio. Após cobrança de escanteio, o camisa 4 Tricolor ganhou no alto e cabeçou, a bola passou rente a trave direita do goleiro Jefferson.

Antes que primeiro tempo acabasse, o Sampaio desperdiçou uma ótima chance de ir para o intervalo com a igualdade no placar. Aos 35 minutos, Valber recebeu passe de Henrique dentro área e finalizou, mas parou no goleiro Jefferson, que fez uma grande defesa colocando para escanteio. Dez minutos depois o goleiro do Botafogo e Seleção Brasileira apareceu de novo. Após cobrança de tiro de meta a bola voltou e caiu nos pés de Válber, que deixou Diones na cara do gol, ele finalizou para ótima defesa de Jefferson. 

Veio a etapa final, e o Sampaio empatou logo no início. Aos oito minutos, Rai cruzou da esquerda Jefferson tentou segurar mas deu rebote. Diones disputou a jogada com defensor e a bola sobra para o atacante Jheimy, impedido, empatar para o Sampaio. O assistente Fábio Pereira, correu para meio assinalando gol, o árbitro Rodrigo Batista Raposo ficou na dúvida ao validar. Mas, após protesto de jogadores dos dois times, o árbitro confirmou o gol.

Não deu nem tempo para comemorar. Cinco minutos depois, os cariocas voltaram a está à frente no placar. Diego recebeu passe de Willian Arão, na direita e cruzou na área. Navarro ganhou no alto da dupla de zaga do time maranhense e testou para o fundo do gol. 2 a 1 Botafogo.
Com as duas equipes cansadas, o ritmo que era intenso, diminui. Com isso, as chances de gols também. O Sampaio tentava o empate nas jogadas aéreas e o Botafogo se segurança lá atrás e usava os contra-ataques. Até que na última jogada do jogo o Sampaio conseguiu o empate. Após cruzamento na área Diones cabeceou para o meio, Douglas chegou testando Jefferson deu rebote. O próprio Douglas emendou de Bicicleta, a bola explodiu no travessão e voltou no pé do Zagueiro Edimar que bateu para deixar tudo igual no Castelão. Sampaio 2 a 2. Após o gol não teve tempo para mais nada.
FICHA TÉCNICA
SAMPAIO CORRÊA 2 X 2 BOTAFOGO

Local: Estádio Castelão, em São Luís (MA)
Data: 2 de outubro de 2015, sexta-feira
Hora: 21h
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Assistentes: Fabio Pereira (TO) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)
Cartões amarelos: Plínio e Jheimy (SAM) e Roger Carvalho (BOT)
Público e renda: 21.436 pagantes / 27.246 presentes / R$ 588.330,00
Gols: Neilton (BOT), aos 19 minutos do primeiro tempo, e Jheimy (SAM), aos nove minutos, Navarro (BOT), aos 13 minutos, e Edimar (SAM), aos 49 minutos do segundo tempo.

SAMPAIO CORRÊA: Rodrigo; Marcelo, Edimar, Plínio e Raí (Douglas); Diones, Léo Salino, Diones, Léo Rodrigues (Charles) e Válber; Jheimy e Edgar
Técnico: Léo Condé

BOTAFOGO: Jefferson; Diego, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Diego Giaretta; Rodrigo Lindoso, Willian Arão, Fernandes (Camacho) e Daniel Carvalho (Octávio); Neilton (Sassá) e Navarro
Técnico: Ricardo Gomes


Comentários