FUTEBOL INTERNACIONAL: O técnico Pep Guardiola diz que nunca treinará o rival Real Madrid.

GUARDIOLA ATUAL COMANDA O MANCHESTER CITY, DA INGLATERRA
MANCHESTER (INGLATERRA) - Pep Guardiola deixou o comando do Barcelona na temporada 2011/12, depois de acumular títulos espanhóis e da Liga dos Campeões. O clube Catalão foi seu formador como jogador e também seu primeiro como treinador. Mesmo longe, Pep Guardiola mostrou que é torcedor fiel da equipe Catalã.

Recentemente a imprensa europeia noticiou que o Real Madrid havia contactado Guardiola para ser o treinador da equipe de Madrid, isso já na época da crise de Rafa Benitez à frente do time madridista. Guardiola por sua vez, tratou de desmentir qualquer contato e disse que não existe possibilidades dele comandar um dia o rival da capital.

- Sempre fui do Barça. Sendo assim, não convém ao Real Madrid um treinador como eu e nem a mim o Real Madrid”, afirmou o técnico do Manchester City na coletiva desta sexta, que antecede a partida contra o West Bromwich, pelo Campeonato Inglês.

O momento de Guardiola à frente do City não é dos melhores, a equipe não vence há seis jogos. No Campeonato Inglês foram três partidas, um empate e duas derrotas. Na Liga dos Campeões foram um empate e uma derrota e na Liga Inglesa mais um revés. Essa é a pior sequência da historia na carreira do treinador, que prefere pensar em uma partida de cada vez.

- Jogo a jogo. Temos que levantar. Aprendemos com o que aconteceu, mas, primeiro precisamos pensar no West Bromwich, completou.

Atualmente a equipe de Pep Guardiola lidera o Campeonato Inglês com 20 pontos por causa dos critérios de desempate, mas vê Arsenal e Liverpool que tem a mesma pontuação colados logos atrás. O West Bromwich é apenas o 13º colocado com 10 pontos.

West Bromwich e Machester City se enfrentam neste sábado (28/10), às 12h, de Brasília, no estádio The Hawthorns, casa do Westa Bromwich.

Comentários