FUTEBOL BRASILEIRO: Meia Souza, ex-Cruzeiro e São Paulo, é preso pela Polícia Federal em Brasília.

SOUZA ATUANDO PELO TIME DO DISTRITO FEDERAL
TAGUATINGA (DF) - O meia Souza, com passagens por São Paulo, Cruzeiro, Grêmio, Fluminense e PSG da França, foi preso nesta quinta-feira (2/3) em Brasília, pela Polícia Federal por acusação de crime tributário. O jogador de 38 anos que defende atualmente o Brasiliense, do Distrito Federal, foi levado para a superintendência da PF. O despacho teria vindo da Justiça de Santos-SP.
A prisão de Souza aconteceu no vestiário do Estádio Abadião em Ceilândia -DF, minutos antes do jogador entrar em campo para enfrentar o Paracatu pelo Campeonato Brasiliense 2017.
O Brasiliense por meio de seu site colocou uma nota dizendo o suposto motivo da prisão do jogador.
"O jogador Souza, foi detido por suposta sonegação de tributos federais referentes aos direitos de imagem declarados pelo jogador à Receita Federal. O mandado foi expedido pela Justiça de São Paulo. Souza responde a dois processos de execução fiscal na Justiça Federal paulista. Em um deles, o valor da causa é de R$ 109.875,97. No outro, a cifra chega aos milhões: R$ 5.143.497,92" disse a assessoria de imprensa do Brasiliense em seu site.
Souza é alagoano e viveu seu melhor momento na carreira com a camisa do São Paulo entre os anos de 2004 e 2007. Nesse período pelo Tricolor Paulista conquistou o Paulistão, a Libertadores e o Mundial de Clubes da Fifa, todos em 2005, além do bicampeonato do Brasileiro 2006 e 2007.

Comentários