FUTEBOL BRASILEIRO: Sampaio encara o Fortaleza em busca de virada para ír a final da Série C

 A VITÓRIA POR DOIS GOLS DE DIFERENÇA GARANTE O SAMPAIO NA FINAL /FOTO: LUCAS ALMEIDA 
SÃO LUÍS - Ainda vivendo a euforia pelo tão cobiçado acesso à Série B em 2018, o Sampaio Corrêa volta a campo, na tarde deste sábado (7), para permanecer na briga por outro sonho: o tetracampeonato nacional. Depois de perder a primeira partida das semifinais do Campeonato Brasileiro Série C para o Fortaleza, por 1 a 0, a Bolívia Querida volta aos braços de seu torcedor e recebe o Leão do Pici, no Estádio Castelão, precisando de uma vitória por dois ou mais gols de diferença para garantir vaga na decisão da Terceirona.
Acostumado a fazer grandes resultados como visitante na Série C, o Sampaio Corrêa voltou de Fortaleza com o sinal de alerta ligado. Afinal de contas, além da derrota, o Tubarão teve dificuldades para impor o seu jogo, com enfoque na marcação no meio-campo e velocidade no ataque. Agora, o Tubarão terá que buscar a classificação em casa, onde tem uma campanha irregular: em 11 partidas disputadas em São Luís, o Sampaio tem um aproveitamento de 54,4%, com cinco vitórias, três empates e três derrotas. Diante do Fortaleza, mais do que nunca, a torcida tricolor terá que jogar junto e ajudar o Bolivão.
Para o segundo jogo contra o Fortaleza, o técnico Francisco Diá fez mistério na escalação do Sampaio Corrêa. No meio-campo, Zaquel, Diego Valderrama e Hiltinho disputam duas vagas, enquanto Reginaldo Junior e Uilliam podem pintar como novidades no ataque do Tubarão. A única mudança certa no Sampaio é na lateral esquerda: após cumprir suspensão, Esquerdinha recupera a titularidade, e Jerffeson Recife fica como opção no banco de reservas.
Enquanto o Sampaio Corrêa tenta se recuperar do tropeço na primeira partida da semifinal, o Fortaleza vibra com o seu melhor momento nesta Série C. Depois de uma primeira fase cheia de altos e baixos, o Leão do Pici garantiu o acesso à Série B, após nove anos de sofrimento, e se aproximou da final da Terceirona com a vitória sobre o Sampaio na Arena Castelão. Para garantir presença em sua primeira decisão nacional em 15 anos, o Fortaleza aposta no bom momento da equipe e no aproveitamento irregular do Sampaio como mandante.
Satisfeito com o desempenho do Fortaleza nas últimas partidas, o técnico Antônio Carlos Zago fará apenas uma substituição no time titular do Leão. Após cumprir suspensão na primeira partida, o zagueiro Ligger recupera a titularidade, substituindo Edimar. Autor do gol da vitória no primeiro jogo da semifinal, o atacante Leandro Cearense está confirmado na equipe.
FICHA TÉCNICA
Local: Estádio Castelão (São Luís - MA)
Horário (de São Luís): 17h
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
SAMPAIO CORRÊA: Alex Alves; Pedro, Odair, Maracás e Esquerdinha; Zaquel (Diego Valderrama), Diego Silva, Marlon, Hiltinho e Felipe Marques (Reginaldo Junior); Isac (Uilliam). T: Francisco Diá
FORTALEZA: Marcelo Boeck; Felipe, Adalberto, Ligger e Bruno Melo; Anderson Uchôa, Pablo, Leandro Lima e Éverton; Hiago e Leandro Cearense. T: Antônio Carlos Zago

Comentários