FUTEBOL BRASILEIRO: Walter é preso por mostrar arma de brinquedo a funcionário da Eletrobras

WALTER EM AÇÃO PELO CSA
MACEIÓ - O atacante Walter, do CSA, foi preso na tarde desta sexta-feira (31/8), em Maceió. Walter foi detido em sua residência, no Bairro Ponta Verde, por sacar uma arma de brinquedo para dois funcionários da Eletrobras. De acordo com o atacante, a conta de energia do apartamento não estava atrasada e disse que a denúncia foi feita por ele ser uma pessoa famosa.
“O que aconteceu foi um mal-entendido, sabe? Eu, com uma arma de brinquedo de casa, que tenho o comprovante que posso ir para qualquer lugar com ela. Nesse momento, o cara foi cortar a luz de casa e eu desci com essa arma. O cara pensou que eu tinha jurado ele, de alguma forma. Não foi isso o que aconteceu. Eu peço desculpas por tudo, o acidente, tudo. Não foi por mal. Quem me conhece, sabe. É isso aí. Foi um momento errado, uma hora errada”, afirmou Walter, em entrevista ao portal Globoesporte.com/al.
Em nota, a Eletrobras informou que o imóvel de Walter estava com fatura em atraso, disse que os eletricistas prestaram esclarecimentos aos policiais e condenou as ameaças a colaboradores. Walter, de 29 anos, está no CSA desde abril e já marcou dois gols pela equipe alagoana, mas não entra em campo desde 20 de julho, quando sofreu uma lesão no joelho.

Comentários